Alta nos preços força substituições no cardápio de Páscoa

Chocolates, bebidas e bacalhau tiveram aumentos expressivos, obrigando os brasileiros a reinventar o cardápio e a pesquisar mais antes das compras

A Páscoa será mais salgada. Produtos típicos que compõem a cesta de compras nesta época do ano estão mais caros. O bacalhau, peixe típico das celebrações, subiu 7,4% no acumulado de 12 meses, mas não foi o único vilão do orçamento. As cervejas estão 10,9% mais caras na comparação com a Páscoa de 2022, assim como os refrigerantes (+ 15,7%).

A alta nos preços do chocolate foi de 13,9%, segundo dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A dica para os consumidores é pesquisar antes das compras e fazer substituições por produtos mais acessíveis. O bacalhau, por exemplo, já registrou queda de 32,7% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado.

A nutricionista Maria Fernanda Koch diz que existem excelentes opções para substituir o bacalhau no cardápio de Páscoa, levando em consideração o gosto individual e a disponibilidade de pescados em cada região.

Entre as sugestões estão o salmão, rico em ômega 3 e fácil de encontrar em mercados e peixarias; a tilápia, geralmente mais barata do que o bacalhau; o linguado, com consistência macia que agrada a diversos paladares; o robalo, para quem busca uma opção mais sofisticada, com sabor delicado e consistência firme ou ainda a pescada, rica em nutrientes e mais acessível ao bolso do que o bacalhau.

Proteína saudável

Coordenadora dos cursos de Saúde do UniCuritiba – instituição que faz parte da Ânima Educação, um dos maiores ecossistemas de ensino superior do país, Maria Fernanda diz que o peixe é uma proteína de excelente qualidade, rico em vitaminas e minerais como vitamina D, Vitamina B12, iodo e selênio. “O consumo do peixe tem sido associado a um menor risco de doenças cardíacas. Além disso, os ácidos graxos ômega 3 presentes no peixe podem ajudar no controle da pressão arterial e nos níveis de triglicerídeos do sangue.”

O consumo de peixes, continua a professora, está associado também ao combate da depressão, prevenção de doenças neurodegenerativas, melhora da saúde óssea, entre outros benefícios. A quantidade semanal a ser consumida depende de fatores como idade, sexo e quadro de saúde. A Organização Mundial de Saúde recomenda, para um adulto saudável, uma a duas porções de peixe por semana (porção de 100 a 150 gramas).

Orientação nutricional

Maria Fernanda explica que, embora o peixe seja considerado um alimento saudável e nutritivo, é necessário considerar as necessidades individuais. Algumas situações como gestação e amamentação, alergias, pacientes renais e cardíacos devem sempre consultar um nutricionista, que irá indicar o melhor peixe a ser consumido para cada particularidade. “Gestantes, crianças ou indivíduos com alguma restrição alimentar precisam contar com a orientação de um nutricionista.”

Cardápio de Páscoa

Para inspirar as famílias na elaboração de um cardápio de Páscoa sem bacalhau, a nutricionista e professora do UniCuritiba Maria Fernanda Koch ensina duas receitas saborosas:

1. SALMÃO ASSADO COM ERVAS E LIMÃO

Ingredientes:
• 4 filés de salmão
• 4 colheres de sopa de azeite de oliva
• 4 colheres de sopa de suco de limão
• 1 colher de sopa de alecrim picado
• Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo: Pré-aqueça o forno a 200 graus. Em uma tigela, misture os temperos. Coloque os filés em uma assadeira e cubra com a mistura de temperos. Asse por cerca de 15 a 20 minutos.

2. MOQUECA DE PEIXE

Ingredientes:
• 500 gramas de filé de tilápia
• 1 cebola cortada em rodelas
• 1 pimentão verde cortado em rodelas
• 1 pimentão amarelo cortado em rodelas
• 2 tomates picados
• 1 vidro de leite de coco
• 2 colheres de sopa de azeite de dendê
• 1 colher de sopa de coentro picado
• Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Em uma panela refogue a cebola e os pimentões no azeite, até que estejam macios. Adicione o tomate e cozinhe por mais uns minutos. Adicione os filés de peixe temperados com sal e pimenta. Adicione o leite de coco e mexa delicadamente. Cozinhe por cerca de 15 a 20 minutos.

Sobre o UbniCuritiba

Com mais de 70 anos de tradição e excelência, o UniCuritiba é uma instituição de referência para os paranaenses e reconhecido pelo MEC como uma das melhores instituições de ensino superior de Curitiba (PR). Destaca-se por ter um dos melhores cursos de Direito do país, com selo de qualidade OAB Recomenda em todas as suas edições, além de ser referência na área de Relações Internacionais.

Integrante do maior e mais inovador ecossistema de qualidade do Brasil, o Ecossistema Ânima, o UniCuritiba conta com mais de 40 opções de cursos de graduação em todas as áreas do conhecimento, além de cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado.

Possui uma estrutura completa e diferenciada, com mais de 60 laboratórios e professores mestres e doutores com vivência prática e longa experiência profissional. O UniCuritiba tem seu ensino focado na conexão com o mundo do trabalho e com as práticas mais atuais das profissões, estimulando o networking e as vivências multidisciplinares.

By Mirella Pasqual

Sou jornalista formada pela Universidade Positivo. Sou mãe do Benício e de três vira-latas, o Raj, o Thor e a Mia. Minha coluna fala sobre moda, empreendedorismo e saúde! Sejam muito bem-vindos 😊

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *